Rio Tinto tem lucro recorde de US$ 21,09 bilhões em 2021 e quase dobra dividendo

Publicidade

Publicidade

A mineradora anglo-australiana Rio Tinto informou nesta quarta-feira, 23, que teve lucro líquido recorde em 2021, de US$ 21,09 bilhões, mais do que dobrando os ganhos de US$ 9,77 bilhões do ano anterior. O lucro subjacente – que desconsidera alguns itens – ficou em US$ 21,38 bilhões no ano passado, ante US$ 12,45 bilhões em 2020, refletindo um salto nos preços não apenas do minério de ferro, que respondeu por quase 80% do resultado da Rio Tinto, como também nos de outras commodities, incluindo cobre e alumínio.

Analistas haviam previsto ganho subjacente anual um pouco maior, de US$ 21,63 bilhões, segundo 13 estimativas compiladas pela Visible Alpha. Diretores da empresa declararam um dividendo final de US$ 4,17 por ação, mais um dividendo especial de US$ 0,62, trazendo o pagamento total para 2021 a US$ 10,40, quase o dobro do valor de 2020. Fonte: Dow Jones Newswires.

Publicidade

*Com Estadão Conteúdo.

Publicidade

O melhor conteúdo de negócios e economia no Brasil, de graça para você.

Cadastre-se para ter acesso a este conteúdo, é totalmente de graça!

Ao se cadastrar, você concorda com o compartilhamento de seus dados com a Estoa, e com os Termos de Uso , incluindo o uso de cookies e o envio de comunicações