Petrobras (PETR3): ações sobem com alta do petróleo e resultado da pesquisa Modalmais/Futura

Em meio à tensões políticas, os ativos da petroleira apresentaram altas

Publicidade

Publicidade

Durante o pregão desta sexta-feira (21), as ações da Petrobras (PETR3) decolaram, fazendo com que a companhia atingisse o seu maior valor de mercado da história. Os ganhos puxaram a alta do Ibovespa no dia de hoje.

A decolagem das ações ocorreram em meio à divulgação da prévia operacional da petroleira e as tensões políticas envolvendo a pesquisa de intenção de votos do segundo turno das eleições. O estudo foi publicado pela Modalmais em conjunto à Futura.

Ações da Petrobras sobem

Publicidade

Durante o pregão desta sexta-feira, as ações da petroleira (PETR3) abriram o mercado com uma valorização de 2,94% às 10:50 horas (Horário de Brasília).


Publicidade

Por volta das 14:00, ainda, os papéis ordinários da empresa apresentaram um ganho de 3,83%, aos R$ 41,73. 

Publicidade

Somada à valorização das ações preferenciais (PETR4) da Petrobras, de 4,03%, a companhia atingiu seu maior valor de mercado da história, atingindo os R$ 530,16 bilhões. O marco havia sido alcançado pela petroleira em maio de 2008, quando seu valor de mercado totalizou R$ 510 bilhões.

Isso foi o suficiente para que a Petrobras puxasse os ganhos do Ibovespa, o indicador da Bolsa de Valores brasileira, a B3. Por volta das 14:30 horas o índice operava com uma alta de 1,53%, aos 118,9 mil pontos.

Publicidade

Publicidade

A alta do petróleo

A alta nos preços do petróleo também pressionou a valorização das ações da petroleira. Por volta das 14:50 horas (Horário de Brasília), a commodity somava ganhos de 0,47%, aos US$ 84,91 (aproximadamente R$ 439,57).

Com o objetivo de combater a pressão de baixas causada pela situação atual da economia global e estabilizar o preço do recurso aos US$ 80 por barril, a Opep em conjunto à Opep+ divulgaram um corte de 2 milhões de barris na produção diária de petróleo, que deve ser iniciado em novembro.

Publicidade

Petróleo se valoriza nesta sexta-feira (21)/Foto: InfoEscola

Dessa forma, com a valorização da commodity, outras companhias petroleiras também indicaram altas ao longo desta sexta-feira.

Lá fora, na Bolsa de Valores norte-americana NYSE, os ativos da maior petroleira do mundo, a Exxon Mobil (NYSE: XOM), também registraram altas, somando uma valorização de 1,88%, aos US$ 105,88.

Publicidade

As diferentes dinâmicas econômicas ao longo de 2022 fizeram com que o preço do petróleo se valorizasse.

Ao mesmo tempo em que a recuperação das consequências geradas pela pandemia de Covid-19 fez o consumo e a procura pela commodity subir, também houveram os conflitos entre a Rússia e a Ucrânia que afetaram a produção do recurso.


Como medida sancionadora, muitos países passaram cessaram a compra de petróleo russo, aumentando a procura por produtores alternativos.

Intenções de voto

Outro fator de peso no desempenho das ações da Petrobras durante o pregão desta sexta-feira é a divulgação da pesquisa realizada pela Futura para o Banco Modal S/A.

Dentre os parâmetros estudados está a intenção de votos para o segundo turno das disputas eleitorais, que considera votos válidos entre os candidatos Jair Bolsonaro (PL) e Lula (PT).

A pesquisa foi realizada entre os dias 17 e 19 de outubro/Foto: Divulgação – Modalmais/Futura

O resultado aponta um empate técnico entre os concorrentes à presidência do Brasil, considerando uma margem de erro de 2,2 pontos percentuais, com uma leve vantagem para Bolsonaro.

Dessa forma, de acordo com a pesquisa, Jair Bolsonaro conta com 50,5% da intenção dos votos válidos, enquanto o ex-presidente Lula soma 49,5%.

Com uma confiabilidade de 95%, a pesquisa contemplou 2.000 entrevistas realizadas entre os dias 17 e 19 de outubro deste ano.

Dessa forma, a antecipação de uma possível vitória do candidato Jair Bolsonaro pelo Mercado Financeiro fez com que as ações da estatal subissem.

A pesquisa está, ainda, registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o número BR-08523/2022.

Publicidade