Nubank atinge 70 milhões de clientes na América Latina, em meio a boatos de fechamento

Empresa diz ter atingido marca e tem o Brasil como maior base no continente americano

Publicidade

Publicidade

O Nubank ultrapassou mais uma marca relevante com relação a sua base de clientes. Dessa vez o banco digital chegou ao total de 70 milhões de clientes na América Latina, com destaque principalmente para os números registrados no Brasil.

A marca é atingida em um momento em que o banco passou por turbulências com o recente fechamento de capital no Brasil após a saída do Nubank da Bolsa de Valores brasileira, a B3.

Publicidade


Brasil se destaca com clientes

Ainda que passe por um momento de incertezas no Brasil, com rumores até mesmo de fechamento após os acontecimentos recentes, o Nubank conta hoje com quase 95% da sua base de clientes aqui no Brasil, com cerca de 66,4 milhões de usuários ativos.

Publicidade

O banco digital ainda possui presença significativa na Colômbia (400 mil usuários) e no México (3,2 milhões de usuários). Apesar disso, o objetivo da fintech é continuar com o seu crescimento exponencial de maneira que possa continuar oferecendo para toda a sua base de clientes, um serviço completo.

Publicidade

Nubank atinge 70 milhões de clientes na América Latina, em meio a boatos de fechamento
David Vélez, CEO e fundador do Nubank quer continuar mantendo eficiência do banco / Foto: AP/Richard Drew

De acordo com o CEO e fundador do Nubank, David Vélez, o Nubank tem crescido dessa forma nos últimos anos justamente pelo fato do banco estar sempre em busca de manter a sua eficiência, levando sempre para os clientes novos produtos que geralmente costumam ter uma grande aceitação.

Em virtude desse constante crescimento, a aprovação por parte do conselho de administração do Nubank para o início do processo de fechamento de capital na B3 pegou muitos usuários e o mercado de surpresa.

Publicidade

Publicidade

Com esse processo que acarretará numa mudança no seu programa de BDRs, o Nubank continuará negociando estes recibos na B3, porém eles sofrerão uma mudança, deixando de serem considerados nível 3, mas sim nível 1 a partir de agora.

Números expressivos

O Nubank que agora possui mais de 70 milhões de clientes na América Latina, tem registrado também um aumento significativo com relação aos seus usuários que estão investindo por meio dos seus serviços e produtos.

Publicidade

De acordo com dados divulgados pela fintech, o Nubank possui mais de 6 milhões de investidores ativos na sua plataforma de investimentos, a NuInvest, com destaque principalmente para a sua gestora de fundos, Nu Asset Management que já possui cerca de 1 milhão de cotistas.

Com esses números, o banco que recentemente perdeu o posto de banco mais valioso da América Latina para o Itaú Unibanco, possui agora a chancela de ser atualmente a maior plataforma digital de investimentos no Brasil, sendo que em número de clientes é a quinta maior no país, assim como ocupa a sexta posição em número de cotistas entre as gestoras de fundo.

Publicidade

Novos produtos Nubank

Acompanhando o seu crescimento nos últimos anos e a busca por trazer produtos e serviços de qualidade para os seus usuários, o Nubank recentemente lançou novas funcionalidades no seu aplicativo, para atender todas as necessidades dos clientes.

Nubank atinge 70 milhões de clientes na América Latina, em meio a boatos de fechamento
As “caixinhas” foram um dos serviços lançados recentemente pela fintech /Foto: Reprodução

Entre os novos serviços da fintech estão as “caixinhas”, opção disponibilizada pelo banco para ajudar no planejamento e organização financeira dos usuários. A função que foi lançada para todos os clientes no início deste mês já conta com a criação de mais de 2,25 milhões de caixinhas.

O serviço oferece opções de investimentos em fundos de renda fixa do próprio Nubank, como o Nu Reserva Imediata, fundo com possibilidade de liquidez diária podendo superar o CDI e o RDB.

Além disso, o Nubank também disponibilizou para todos os seus clientes recentemente um programa de relacionamento gratuito, chamado de Nunos, que pode gerar recompensas ao longo do tempo para os usuários. 

Assim como alguns bancos têm feito recentemente, o Nubank aderiu às criptomoedas. O lançamento do NuCripto gerou para os clientes da fintech a possibilidade de comprar e vender criptomoedas a partir de R$ 1. Ao todo, quase 2 milhões de usuários efetuaram pelo menos uma compra no aplicativo desde o lançamento.

Publicidade