Mercado Pago expande serviços com criptomoedas para o México

Publicidade

Publicidade

O Mercado Pago, banco do Mercado Livre, o maior marketplace da América Latina, busca agora expandir a negociação de criptoativos na plataforma para o México, o segundo país mais populoso da região.

O Mercado Livre, listado na Nasdaq, começou em 2021 uma integração ao Bitcoin e ao mercado de criptoativos. A companhia chegou inclusive a adicionar 150 bitcoins ao seu balanço patrimonial.

Publicidade

A plataforma, assim como no Brasil, permitirá a compra e venda de Bitcoin (BTC) e Ethereum (ETH), os dois maiores criptoativos por valor de mercado.

A notícia foi compartilhada pelo perfil oficial do Mercado Pago México:

Publicidade

“Que tal eu mantê-los em suspense? Ha ha ha, só por isso, sorvete para todos aqueles que adivinharam o que era.

Publicidade

A partir de agora você pode comprar e vender bitcoin e ethereum no #MercadoPago”

O banco digital declarou que as compras de criptoativos estarão disponíveis no México a partir de 1 peso, como forma para facilitar o investimento.

Publicidade

Publicidade

“Continuamos democratizando opções financeiras e inovações tecnológicas em toda a América Latina, para promover o desenvolvimento das pessoas e contribuir para a Inclusão Financeira em nossa região.”

Apesar da possibilidade de negociação dos tokens, não é possível realizar o saque ou depósito de BTC e ETH.

Publicidade

Os ativos negociados na plataforma estão sob custódia da Paxos, instituição financeira sediada nos Estados Unidos.

A decisão de terceirizar a custódia segue os passos do Nubank, maior banco digital da América Latina, que também optou por não permitir o saque dos criptoativos.

Publicidade

Espera-se agora que demais países da América Latina, como Argentina e Chile, recebam os serviços com criptoativos do Mercado Pago no futuro.

*Com Criptonizando

Publicidade