Empresas apostam em Cashback e você ganha muito dinheiro com isso

O famoso “dinheiro de volta” te ajuda a economizar em compras online

Publicidade

Publicidade

Imagine-se comprando algo e tendo um retorno financeiro de parte do valor do produto? Isso parecia impossível no Brasil há alguns anos, os consumidores jamais imaginariam que você poderia ter este benefício. O Cashback surgiu no Brasil em 2007 para estimular o uso da internet como forma de compras, ainda era muito baixo o acesso em massa e havia muita desconfiança em produtos comprados online. 

Com o avanço da popularização da internet para quem não tinha antes, como pessoas acima de 50 anos e os jovens que foram atingindo maioridade, celulares cada vez mais modernos e com isso as compras online evoluíram em larga escala e assim foi popularizado o cashback.

Publicidade

O cashback é um modelo de pagamento na qual te devolve uma porcentagem em dinheiro do que você pagou em um produto ou serviço, comprando de uma marca específica ou utilizando cartão virtual ou aplicativos de corretoras de pagamentos. Ao finalizar o processo de compra, o usuário recebe este valor em alguma conta virtual cadastrada ou no aplicativo da empresa que usou.

Cashback é o dinheiro que volta para você | Foto: Vivo

O resgate é imediato e você pode transferir para uma conta pessoal ou utilizar na soma de novas compras futuras. Alguns aplicativos de pagamento permitem que o dinheiro seja utilizado apenas no próprio sistema. 

Publicidade

Benefícios

Publicidade

O dinheiro do cashback pode ser utilizado em juros de parcelamento ou abatimento de fretes, toda e qualquer despesa extra do seu orçamento, pode receber a ajuda do cashback. O cálculo pode variar e uma promoção diferente para cada uma das empresas presentes no sistema pode surgir momentaneamente, mas a base de cálculo implementada é:

  • Cashback para a compra (ex: 5% do valor total da compra);
  • Cashback para cada produto (ex: 2% de cashback no produto A e 5% no produto B);
  • Cashback padrão para todos os produtos (ex: qualquer item com 3% de cashback);
  • Cashback fixo (ex: ganhe R$20 reais a cada compra R$100 reais em compras).

Em uma pesquisa do Portal Promo com 1.023 consumidores acima de 18 anos, 97% dos entrevistados afirmaram gostar de promoções e 31% das pessoas disseram que o Cashback é sua forma favorita de promoção. O cashback prometido não é obrigatório, não há uma regulamentação da proposta.

Publicidade

Publicidade

Cashback tem deixado muitas pessoas felizes | Foto: Nutrimental

“O objetivo da Mooba é também incentivar a educação financeira. “Nossa ideia principal é não transformar o cashback em novo consumo, e sim em redução de alguma despesa recorrente do cliente.” – Afirmou Paulo Ribas, idealizador do programa Mooba

Outro benefício é uma carteira digital que vai somando o uso do cashback e quanto mais você utilizar, mais dinheiro volta para lá em cada compra. Estimulando o comprador a efetuar novos pagamentos em instituições parceiras. 

Publicidade

Onde encontrar?

As empresas mais populares como Pagseguro, Ame, Picpay, Next, Méliuz, Pagbank entre outras empresas, investiram pesado em propagandas de seu cashback, ganhando milhares de acessos e downloads. Alguns possuem prazo de validade, e devem ser usados em até 24 meses. Após esse período, ele expira e não pode mais ser resgatado. Por enquanto, as lojas parceiras que oferecem o serviço são Amazon, Ponto, Extra e Casas Bahia.

Publicidade

Empresas listadas com cashback | Reprodução; Clara Fabro

Algumas instituições de pagamentos e provedoras de cartão de crédito, limitam o valor que pode ser utilizado. É muito importante que o cliente interessado pesquise a reputação da empresa, relatos reais, estrelas no google, vídeos não patrocinados, sobre a veracidade e garantia de que seu cadastro não será utilizado para outros fins e você receberá o cashback de volta. 

De onde veio?

O cashback não é tão jovem pelo mundo, nem começou de forma online. Lançado em 1998 pela empresa Ebates, hoje Rakuten. Idealizou o formato para quem utilizava o cartão de crédito, para estimular a utilização, assim 5% e 10% seriam bonificações. A Black Friday estimulou muito a utilização do cashback e não demorou para em 2001 entrar no universo online.

Publicidade