Dubai concede à Binance licença para atuar no país

Publicidade

Publicidade

Dubai, país integrante dos Emirados Árabes Unidos, concedeu à exchange de criptomoedas Binance, licença definitiva para atuar no país. O órgão responsável pela liberação é a Autoridade Reguladora de Ativos Virtuais de Dubai (VARA).

A licença concedida é a de Produto Mínimo Viável (MVP). Portanto, a partir dessa confirmação a exchange pode oferecer serviços relacionados a criptomoedas para investidores de varejo e institucionais nos Emirados Árabes Unidos (EAU).

Publicidade


A Binance recebeu uma licença provisória em março de 2022.

Publicidade

Dubai abre suas portas à Binance

A Binance publicou em seu blog oficial a liberação da licença de MVP nesta terça-feira (20). Nesse sentido, a exchange detalha que, além de permitir que a exchange “abra uma conta de dinheiro do cliente em um banco doméstico”, MVP significa que:

Publicidade

“A Binance pode oferecer uma gama aprovada de serviços relacionados a ativos virtuais para investidores institucionais e de varejo devidamente qualificados em Dubai.”

Nesse sentido, os serviços aprovados são: serviços de troca de criptomoedas, conversão entre ativos virtuais e moedas fiduciárias, transferência de ativos virtuais, custódia e gestão. Como também: a oferta de tokens virtuais e serviços de negociação e serviços de pagamentos e remessas de ativos digitais.

Publicidade

Publicidade

Conforme o comunicado no blog, essa licença segue uma série de registros para entidades locais da Binance na região MENA e em toda a Europa na Itália, França e Espanha. Além disso, é mais um passo da Binance junto ao setor regulatório dos países que atua.

Nesse sentido, ainda informa que:

Publicidade

“Atesta o desejo de ser uma plataforma liderada por regulamentações com controles robustos de conformidade e segurança que têm como núcleo a proteção do consumidor e a integridade do mercado.”

Sobre a regulação

O órgão regulador de Dubai, VARA, concessor da licença à Binance, está ativo desde março sob a Lei de Regulamentação de Ativos Virtuais de Dubai. Ele é responsável por licenciar e regular o setor de criptomoedas no Emirado de Dubai e em seus territórios de zona franca (excluindo DIFC) sob a lei dos Emirados Árabes Unidos.

Publicidade

Nesse sentido, a VARA havia concedido à Binance uma licença provisória em março, que permitia à exchange ofertar serviços de criptoativos limitados.

Conforme consta em comunicado, Helal Saeed Almarri, Presidente da VARA, disse:

“Temos o prazer de ter a Binance licenciada para operar dentro do programa VARA MVP.”


E acrescentou:

“A VARA espera que a Binance seja uma colaboradora ativa, reforçando o compromisso de Dubai em criar um ecossistema seguro de última geração para essa economia futura.”

Changpeng Zhao (CZ), fundador e CEO da Binance, também se pronunciou sobre o fato:

“Na Binance, aceitamos regulamentações que são globalmente consistentes, permitem inovação responsável, protegem os usuários e dão a eles escolha.”

Por fim, Alexander Chehade, gerente geral da Binance Dubai, acrescenta:

“Esperamos continuar a parceria à medida que construímos nossa equipe e operações em Dubai para lançar serviços adicionais, incluindo recursos bancários locais e produtos aprimorados”.

*Com Criptonizando

Publicidade

O melhor conteúdo de negócios e economia no Brasil, de graça para você.

Cadastre-se para ter acesso a este conteúdo, é totalmente de graça!

Ao se cadastrar, você concorda com o compartilhamento de seus dados com a Estoa, e com os Termos de Uso , incluindo o uso de cookies e o envio de comunicações