Confira as 5 principais notícias do Brasil e do mundo nesta quinta-feira

Protestos pelo país diminuem, com transição prestes a se iniciar

Publicidade

Publicidade

No Brasil a manhã desta quinta-feira (3) pós feriado, começa com a expectativa pelo início da transição de governo após a eleição de Lula (PT). O processo servirá como uma ponte, que marcará o final do mandato de Jair Bolsonaro no final de dezembro.

O processo será comandado pelo vice-presidente eleito, Geraldo Alckmin, que foi o escolhido pelo novo presidente para coordenar a equipe. O ex-governador de São Paulo irá até Brasília nesta quinta-feira para dar início às tratativas e começar a ter acesso às contas públicas, programas e projetos do atual governo federal.

Publicidade


2. Mais de 800 bloqueios são desfeitos em rodovias

Após determinação do Ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes, cerca de 834 bloqueios totais ou parciais foram desfeitos em estradas e rodovias de todo o Brasil. No entanto, 11 estados ainda continuam com pontos de interdição, somando 86 pontos até a manhã desta quinta-feira. Santa Catarina concentra 30 destes bloqueios e lidera entre estados.

Publicidade

O movimento para a desobstrução das rodovias acontece após uma série de fatores que começaram com a decisão do STF de aplicar multa aos caminhoneiros. Na última terça-feira (1), o presidente Jair Bolsonaro deu a sua primeira declaração após a eleição e falou sobre os atos que estão impedindo o direito de ir e vir dos cidadãos, na noite de ontem, Bolsonaro reforçou o pedido para que os manifestantes cessem os bloqueios.

Publicidade

3. Expectativa para divulgação da Petrobras

A Petrobras (PETR4) fechou o primeiro pregão após a eleição na segunda-feira (31), com uma queda superior aos 8% no valor de negociação dos seus papéis. Agora é a vez da estatal divulgar os seus resultados do terceiro trimestre deste ano e também os dividendos que irá pagar referente ao período.

A expectativa do mercado é de que, ainda que tenha números expressivos, o resultado seja inferior ao apresentado no segundo trimestre de 2022, porém na comparação anual, a Petrobras deve apresentar uma alta de 34,6% na receita líquida, somando R$ 163,7 bilhões. Já os dividendos devem ficar na casa dos US$ 6 bilhões, número bastante inferior ao do trimestre anterior quando pagou US$ 9,7 bilhões.

Publicidade

Publicidade

4. Impactos no mercado após EUA elevar juros mais uma vez

O Federal Reserve anunciou nesta quarta-feira (2) o quarto aumento de juros consecutivo. A decisão do banco central norte-americano elevou a taxa de juros em 0,75 ponto percentual, chegando a um intervalo de 3,75% a 4%. Ainda que haja uma previsão de redução no ritmo de alta a partir de dezembro, o mercado prega cautela.

Confira as 5 principais notícias do Brasil e do mundo nesta quinta-feira
Falas de Jerome Powell geram cautela em investidores /Foto: Reprodução

As falas do presidente do Fed, Jerome Powell, dão a entender para os investidores que o aperto monetário na maior economia do mundo pode vir a ser mais longo do que era previsto anteriormente.

Publicidade

5. Principais balanços do dia: GPA e Banco Pan

Assim como a Petrobras, outras grandes empresas divulgam os seus resultados do 3T22 nesta quinta-feira. Entre os destaques estão o Grupo Pão de Açúcar (PCAR3) que divulgará após o encerramento do pregão e o Banco Pan (BPAN4) que divulgou o balanço nesta manhã.

Para o GPA, a expectativa é de que a companhia registre uma receita 2,76% maior do que no trimestre anterior, somando R$ 10,3 bilhões. Porém, o mercado prevê um prejuízo de R$ 6,6 milhões no período. Já o Banco Pan reportou um lucro líquido de R$ 193 milhões neste trimestre, alta de 1% em relação ao 3T21.

Publicidade

Publicidade