Confira as 5 principais notícias do Brasil e do mundo nesta quarta-feira

Negociação de destino de recursos da PEC da Transição e ata do FOMC são destaques

Publicidade

Publicidade

A manhã desta quarta-feira (23), começa com a repercussão das últimas notícias vindas de Brasília. Em pedido enviado ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na tarde de ontem, o atual presidente Jair Bolsonaro e o seu partido, o PL, tentam mais uma vez anular os resultados das eleições presidenciais.

A alegação de fraude, que não foi confirmada, feita por Bolsonaro e pelo seu partido, exige que os votos de mais de 250 mil urnas sejam impugnados por se tratarem de aparelhos mais antigos do que a maioria. O pedido, no entanto, foi negado pelo presidente do TSE, Alexandre de Moraes. 

Publicidade


O ministro deu 24 horas para que o PL apresente dados que comprovam as supostas irregularidades nas urnas também no primeiro turno das eleições, levando em consideração o fato dos aparelhos terem sido usados em ambos os turnos.

Publicidade

2. Equipe de Lula aceita negociar PEC da Transição

Em meio aos processos para enviar o texto final da PEC da Transição ao Senado, a equipe do governo Lula ainda trabalha para ajustar prazos e valores da proposta. Como forma de conseguir a aprovação do texto ainda neste final de novembro, a equipe aceita negociar o destino dos recursos que ficarão livres com a PEC.

Publicidade

Entre as principais mudanças desde o início da proposta está a mudança da retirada do Bolsa Família do teto de gastos, que antes estava previsto para sair de forma permanente e agora o novo governo concorda com apenas quatro anos. Além disso, o estouro do teto deve ter um valor máximo de R$ 160 bilhões. 

3. Divulgação da ata do FOMC do Fed

O mercado financeiro está atento para a divulgação que ocorrerá nos Estados Unidos na tarde desta quarta-feira. O Comitê de Política Monetária do Federal Reserve (FOMC), publicará a ata da sua última reunião, dando mais detalhes sobre o encontro que culminou no quarto aumento de juros no país. 

Publicidade

Publicidade

Além de abordar a alta de 0,75 ponto percentual, o documento também deverá trazer um novo panorama dos membros do FOMC para as próximas reuniões. Segundo o mercado, a possibilidade de uma alta mais branda dos juros para 0,5 p.p. aumentou nas últimas semanas.

4. Lula decide novo presidente da Petrobras até dezembro

De acordo com o senador Jean Paul Prates (PT-RN), que faz parte da equipe de transição governamental, o novo presidente da Petrobras deverá ser escolhido pelo presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT) até o início de dezembro, devido à importância da nomeação. 

Publicidade

Confira as 5 principais notícias do Brasil e do mundo nesta quarta-feira
Magda Chambriard, Jean Paul Prates e Rui Costa, os candidatos a presidência da Petrobras /Foto: Reprodução

Três nomes são cotados para assumir o posto que hoje é ocupado por Caio Mario Paes de Andrade à frente da estatal, entre eles: o próprio Jean Paul Prates, que é aliado de Lula, mas que pode ser impossibilitado pela sua candidatura a prefeito de Natal-RN em 2020; o ex-governador da Bahia Rui Costa e Magda Chambriard, ex-diretora-geral ANP.

5. Receita abre consulta a lote residual de restituição do IR

A partir das 10h desta quarta-feira, a Receita Federal libera para consulta o lote residual de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) de novembro. O pagamento é feito na conta bancária informada na Declaração de IR, de forma direta ou por meio de uma chave PIX.

Publicidade

Neste lote, mais de 550 mil contribuintes serão beneficiados com o pagamento. É possível consultar via internet a disponibilidade da restituição, para isso, basta que o contribuinte acesse o site da Receita Federal, e lá se encaminhe até a página, “Meu Imposto de Renda”.

Publicidade