Assaí fecha parceria para vender produtos pelo Rappi

Publicidade

Publicidade

O Assaí Atacadista anunciou nesta segunda-feira, 21, uma parceria para vender seus produtos pelo aplicativo de entregas Rappi. O projeto ainda é considerado piloto e começou neste mês, em seis lojas de São Paulo (SP). Desde 2021, quando a empresa se separou do GPA, o Assaí iniciou seu processo de digitalização. A estratégia escolhida, por enquanto, é a de ter presença em plataformas de entrega terceiras.

As compras serão feitas por shoppers do Rappi, que selecionam, separam e entregam os itens indicados pelos clientes. Caso um dos itens escolhido não esteja disponível, o responsável pela compra sinaliza quais são as opções para substituição.

Publicidade

“A parceria com o Rappi permite aos clientes comprarem no Assaí pela internet com segurança e ter acesso, sem sair de casa, aos mesmos preços praticados em lojas físicas, o que significa mais economia nas compras de mercado. Esperamos, até o final de fevereiro, expandir essa parceria para todas as regiões do país onde possuímos lojas e onde o Rappi opera”, explica Anderson Castilho, vice-presidente de Operações do Assaí.

Luiz Tavares, diretor de Supermercados do Rappi Brasil, diz que a implementação da solução proporciona ao Assaí mais dados sobre seu público. “A união da expertise do Assaí no atacado com a inteligência de dados que possuímos proporciona uma leitura mais assertiva e imediata do comportamento dos clientes, de forma que possamos melhor endereçar a eles um portfólio de produtos que atendam suas necessidades”, diz.

Publicidade

*Com Estadão Conteúdo

Publicidade

Publicidade

O melhor conteúdo de negócios e economia no Brasil, de graça para você.

Cadastre-se para ter acesso a este conteúdo, é totalmente de graça!

Ao se cadastrar, você concorda com o compartilhamento de seus dados com a Estoa, e com os Termos de Uso , incluindo o uso de cookies e o envio de comunicações