Agências de notícias da Ucrânia querem arrecadar US$ 1 milhão com NFTs

Publicidade

Publicidade

Após arrecadar quase US$ 60 milhões em criptomoedas para combater as tropas russas, a Ucrânia quer mais e está de olho no mercado bilionário de tokens não fungíveis (NFTs).

Três agências de notícias do país estão se unindo a uma plataforma de NFTs para arrecadar cerca de US$ 1 milhão para continuar ajudando o país na guerra contra a Rússia.

Publicidade

Conforme noticiou o CriptoFácil, parte das criptomoedas arrecadadas nas doações está sendo usada para compra de equipamentos militares como coletes à prova de balas e dispositivos de visão noturna para o exército.

Pelo menos US$ 15 milhões dos quase US$ 60 milhões arrecadados já foram destinados a este fim.

Publicidade

Embora a maior parte das doações seja em Bitcoin (BTC) e Ethereum (ETH), os doadores também estão enviando NFTs para a Ucrânia.

Publicidade

Segundo a plataforma em blockchain Elliptic, um CryptoPunk NFT no valor de mais de US$ 200.000 foi doado ao país. Agora, a mídia estatal quer focar nos colecionáveis digitais para levantar fundos.

Arrecadação de fundos via NFTs 

De acordo com o portal Press Gazette, as três empresas de comunicação envolvidas na iniciativa são: Ukrainska Pravda, Novoye Vremya e a emissora de ONGs Hromadske.

Publicidade

Publicidade

A ideia das organizações é vender um número limitado de “chaves NFT”. Em contrapartida, as empresas vão dar aos titulares acesso a um cofre digital contendo conteúdo original e com curadoria.

Ao todo, serão 10.000 das chaves disponíveis que serão comercializadas pelo equivalente a US$ 99,99 cada.

Publicidade

A empresa de NFTs parceira na ação é a NFT Vault. Ela permite aos criadores de tokens selecionar conteúdo visível apenas para os detentores de chaves.

De acordo com Vault, cada chave “dará acesso ao conteúdo da corajosa equipe de jornalistas, fotógrafos e equipe editorial da publicação, incluindo fotos e vídeos, links para histórias e leituras recomendadas, um e-mail especial semanal para os apoiadores e muito mais”.

Publicidade

Ainda segundo a empresa, o valor arrecadado será destinado a apoiar diretamente as organizações de mídia. Caso todas as chaves NFTs sejam vendidas, a arrecadação total será de US$ 999.900.

“Cerca de oito milhões de pessoas em todo o mundo nos lêem todos os dias”, afirmou Sevgil Mysayeva, editor-chefe do Ukrainska Pravda. “Sentimos nossa responsabilidade de informar o mundo sobre a situação atual na Ucrânia com verdade e em tempo real.”

As chaves NFT podem ser compradas no site do Vault – que usa a blockchain Solana – por usuários que possuem carteiras cripto. Ou então, é possível adquirir as chaves por meio do aplicativo Vault usando o Apple Pay.

Arrecadação de criptomoedas

Ainda segundo a Elliptic, já foram feitas mais de 120.000 doações de criptoativos desde o início da invasão russa. No total, o valor arrecadado já passa de US$ 59,7 milhões. Isso inclui uma doação de US$ 5,8 milhões do fundador da Polkadot, Gavin Wood.

Além disso, vários milhões de dólares em criptomoedas foram recebidos pela ONG Come Back Alive. A organização UcrâniaDAO, por exemplo, também leiloou um NFT da bandeira ucraniana por US$ 6,5 milhões em ETH.

Trata-se do 10º NFT mais caro já vendida, de acordo com a Elliptic. A renda será doada para a ONG.

Publicidade