Qual a diferença entre Tag Along e Drag Along?

Saber a diferença entre estes dois termos é muito importante na hora de um investimento

Publicidade

Publicidade

Entre os diversos termos utilizados no espaço económico, existem alguns que se destacam pela especificidade e logo questionamentos surgem e é possível que as dúvidas sem o devido esclarecimento, podem ocasionar em problemas futuros. Dentro do universo das aplicações financeiras o Tag Along e Drag Along são semelhantes, mas existem na prática, muita diferença.

Um deles protege os acionistas minoritários e o outro favorece os acionistas majoritários em alguns casos de compra de empresas abertas.E também existem dois tipos de ações que podem se ajustar com os conceitos Tag Along e Drag Along. Ações ordinárias (ON) e Ações Preferenciais (PN). As ordinárias são as ações comuns que dão direito a voto em  assembleias e participação em decisões. As ações preferenciais são as que recebem dividendos e não geram poder de voto aos acionistas.

Publicidade

Conheça as principais bolsas de valores da  Ásia, Europa e as norte-americanas.

Tag Along

Publicidade

O Tag Along em seu conceito, visa ser um mecanismo de proteção feito aos acionistas minoritários de uma empresa com capital aberto em uma bolsa de valores, o Tag Along garante os direitos aos sócios desta companhia em uma possível mudança de gestão ou controle.

Publicidade

Resumindo este conceito, é a garantia que os sócios ainda serão voz dentro da empresa, participação em decisões e no capital daquela companhia, mesmo que ele não represente uma condição de controlador do negócio. Assim eles podem receber ofertas compatíveis com as oferecidas ao acionista majoritário, mesmo em caso de repasse da empresa. Se a empresa possuir este recurso, Tag Along, o acionista minoritário pode receber no mínimo 80% do valor que foi pago pela ação do majoritário. 

O Tag Along se ajusta e tem garantia maior em ações ordinárias, mas pode ser estendido para as ações preferenciais de acordo com o estatuto da companhia e o estilo de gerenciamento corporativo. O Tag Along é um mecanismo previsto em Lei, a Lei das Sociedades por Ações ou  Lei das S.A –  Lei 6.404/76.

Publicidade

Publicidade

Drag Along

O Drag Along é inverso ao Tag Along. O Drag Along favorece totalitariamente os acionistas que são majoritários de uma empresa. Estabelece os mesmos preços e condições para todos os acionistas.

Publicidade

É um mecanismo que força o acionista minoritário a vender suas participações nas ações quando o majoritário toma alguma decisão que gere um impacto maior na empresa, essa movimento forçado aparece principalmente em casos que o majoritário decide transferir a sua participação, assim o futuro comprador compra a empresa toda ao invés de apenas uma parte. 

É importante conferir no estatuto da empresa se ela possui o conceito Tag Along ou Drag Along. Neste caso, você pode abrir a sua própria empresa e ser o seu próprio chefe, mas para isso é necessário saber mais sobre ser uma pessoa jurídica no Brasil.

Publicidade

E já que estamos falando em ações, você pode investir na bolsa de valores sozinho seguindo alguns passos importantes: Estratégia e Objetivo: Definir quanto você quer receber de ganho e o tempo que deseja que isso aconteça. Abertura em uma conta de corretora: É necessário abrir uma conta em uma corretora de valores, para que aconteça a intermediação entre o investidor e a bolsa de valores.

Após a conta estar aberta e o contrato selado com a corretora, é preciso transferir o valor para a financeira que vai aplicar na bolsa de valores. Com o dinheiro em poder da financeira, é necessário escolher o ativo que pretende adquirir e isso determina a rentabilidade futura e utilizar o Home Broker, que é a plataforma que o investidor vai usar e que faz a ponte de interligação com a bolsa de valores.

Publicidade