P2P Lending: Conheça a modalidade de empréstimo

É importante entender essa categoria de empréstimos para evitar oligopólios bancários

Publicidade

Publicidade

O peer-to-peer (P2P) é uma categoria de empréstimos onde uma pessoa pode conseguir esse dinheiro diretamente de outras. Então, a modalidade permite a possibilidade de trocas comerciais sem envolver grandes instituições financeiras. 

Os sites de P2P conectam pessoas que precisam de ajuda financeira, diretamente com aquelas pessoas que desejam emprestar a fim de obter ganhos de capital. Dessa forma, os sites junto dos participantes definem os termos e taxas para a realização do empréstimo. 

Surgimento

Publicidade

O P2P surgiu nos anos 1990, como uma tendência natural do avanço tecnológico da época. Isso devido ao surgimento dos sistemas distribuídos, computadores conectados através da rede com centralização de informações. 


Publicidade

No Brasil, o P2P ganhou visibilidade a partir de 2011, com a criação das primeiras fintechs voltadas para o setor financeiro e também os órgãos reguladores começaram a incentivar esse modelo de negócio. 

Publicidade

O que acabou causando um barateamento e a democratização de crédito em todo o país. 

A partir da resolução 4.656 de 2018, o Banco Central do Brasil criou as SEPs e deu liberdade às fintechs autorizadas para atuar de forma independente de outras instituições financeiras. 

Publicidade

Publicidade

Esse novo cenário trouxe maior segurança e dinamismo para o mercado financeiro brasileiro, já que fortaleceu os segmentos de marketplaces de crédito e aumentou a competitividade das fintechs no país. 

Antes dessa resolução, o modelo de negócios era baseado somente em parcerias com instituições financeiras que realizavam operações bancárias. Apesar do formato ainda ser utilizado por grande parte das fintechs brasileiras, apresenta algumas limitações. 

Publicidade

Funcionamento 

Esse tipo de empréstimo acontece quando existem dois lados interessados: o emprestador que deseja ganhar melhores retornos do que os bancos costumam oferecer, e o tomador que deseja receber o recurso com uma taxa mais atrativa em relação a grandes instituições. 

Cada sistema que oferece um sistema P2P irá definir as taxas e termos de transações baseados na capacidade de crédito (Score) do requerente. De forma que quanto maior o risco de crédito do requerente, maior será a taxa cobrada para liberação do empréstimo. 

Publicidade

Para o investidor que disponibiliza o seu capital para empréstimo, pode definir um limite de risco ao qual deseja expor seu dinheiro. 

Funcionamento P2P/Fonte: P2P Empire

Todo processo de empréstimos e pagamento de parcelas pode ser feito de forma automatizada através das plataformas onlines de sites P2P.

Características

Essas operações funcionam de maneira bem diferente ao que acontece nos processos de empréstimos em bancos tradicionais. 

Uma das maneiras para que isso funcione bem, é o fato de não ser necessário nenhuma instituição financeira para intermediar as negociações e funcionar de maneira online, fazendo o processo  ficar mais inovador.  


Além disso, as principais características de P2P Lending são: 

  • Não é necessário conhecer ou ter alguma relação com a pessoa que irá emprestar.
  • Os credores podem decidir para quem vão emprestar o dinheiro.
  • Os empréstimos normalmente não são protegidos por seguros do governo. 

Vantagens 

Para saber se vale a pena realizar empréstimos, é necessário conhecer algumas das vantagens e desvantagens dessa operação. Entre as vantagens é possível listar: 

  • Obter empréstimos sem recorrer a grandes instituições financeiras
  • É possível obter lucro disponibilizado capital para ser emprestado 
  • Sempre poder selecionar para quem deseja emprestar dinheiro
  • Os clientes podem escolher quais taxas e termos determinados pelo site deseja 
  • Operações podem ser feitas através da plataforma online 
  • Emprestar ou tomar emprestado dinheiro de pessoas sem nenhuma relação ou conhecimento prévio.  

Desvantagens

Mas além das vantagens, é válido mencionar algumas das desvantagens dos empréstimos P2P lending: 

  • Spread pode ser alto então deve ser bem analisado antes de tomar empréstimos.
  • Para quem está endividado e com alto risco de crédito, as taxas podem ser altas e maiores que aquelas cobradas em bancos.
  • O retorno do investidor pode ser abaixo da performance do mercado, dependendo da taxa contratada no empréstimo.
  • Muitas vezes se torna necessário o pagamento de taxas por transação na plataforma, tornando o empréstimo desinteressante para ambos os lados.
Publicidade